20 dias de carro entre Los Angeles, São Francisco e Las Vegas: Parte 1

Acabamos de chegar de 20 dias de férias pelos Estados Unidos. Nunca tive o sonho de conhecer a Costa Oeste, mas como eu tinha torcido o pé e ainda tava meio sensível, trocamos o Sudeste Asiático por um roteiro de carro.

Chegamos em Los Angeles, pegamos o carro e seguimos pela bela Pacific Coast Highway (ou Highway 1) até São Francisco. Depois de passear pelas ladeiras a pé mesmo, pegamos o carro de novo e seguimos para Las Vegas, passando por maravilhosos parques nacionais na Califórnia, Arizona e Utah.

Vai comprar dólar? Clique aqui para nossas dicas!

E quem nos acompanhou no Instagram já viu o quanto foi incrível! Os Estados Unidos não são só pra fazer compras, viu? As cidades são cheias de atrações, os parques têm paisagens espetaculares. Voltamos encantados, com gostinho de quero mais.

Roteiro de carro geralmente é bem difícil de planejar, por dormirmos em tantas cidades diferentes. Acabamos deixando várias decisões para tomar durante a viagem, algumas certas, algumas erradas… Vou contar todos os detalhes do roteiro em dois posts: o primeiro de LA a São Francisco, e segundo, pelos parques.

O mapa abaixo tem todos os pontos de interesse: os azuis foram as cidades onde dormimos; os rosas, os pontos que paramos entre LA e São Francisco; e os verdes, os parques nacionais que visitamos.

Clique no canto superior direito para abrir o mapa na tela inteira


Los Angeles: 3 dias

Ficamos de carro em Los Angeles desde a chegada no aeroporto, já que a cidade é imensa, as atrações são espalhadas e o metrô de lá é bem limitado. Não preciso nem dizer que o GPS é fundamental, né? É impossível entender os caminhos entre as mil freeways, highways e viadutos sem a ajuda de um. LA também é famosa por seu trânsito quase paulistano, mas acertamos na tática de ir no fim de semana e não sofremos com ele.

Os três dias inteiros foram suficientes para visitar as principais atrações: Hollywood (que é uma bobagem), Rodeo Drive, Beverly Hills, Walt Disney Concert Hall, Griffith Observatory, Getty Center, Santa Monica, Universal City Walk. Também fomos assistir a um jogo de hockey no gelo no Staples Center, que foi bem legal (mas o da NBA foi mais, como contei aqui).

Se quiser ir na Disney California, acrescente mais um dia. A Cláudia, mãe do Felipe, o pequeno viajante, tem todas as dicas dos parques de diversão de lá. Nós trocamos os parques de diversão pelos parques nacionais. 🙂

 

Meus preferidos de LA: Santa Mônica e Wall Disney Concert Hall


Pacific Coast Highway (Higway 1): 3 dias

Não tivemos muita sorte nos nossos dias de Hwy 1… Tempo fechado quase sempre! Mas a estrada é realmente muito bonita, vale a pena. É daquelas de percorrer com a câmera na mão e parar em todos os mirantes.

Mas nem adianta levar biquini, a água é muito gelada!

Primeiro dia: Los Angeles – Malibu – Camarillo – Santa Bárbara

No primeiro dia saímos de LA e seguimos para Malibu, nossa primeira parada da Hwy 1. Paramos pouco, por causa do tempo fechado. Nem os salva vidas estavam trabalhando! #SOSMalibu

 

Casinha de salva-vidas em Malibu; Leo Carrillo State Park


De Malibu seguimos pra Camarillo, porque eu tava morrendo de medo de passar frio em São Francisco por não ter um casaco corta vento e queria parar no outlet, que tem lojas da Columbia e da The North Face. Nossa parada foi de umas três horas (aproveitamos pra almoçar), mas já deu uma atrapalhada no roteiro. Se quiser parar de verdade no outlet de Camarillo, melhor colocar mais um dia no roteiro.

Rumamos então para Santa Bárbara, que tem aquela carinha de mexicana. Muito linda! Ficamos com dó de ir embora correndo e resolvemos jantar e dormir por lá mesmo.

Santa Bárbara


Segundo dia: Solvang – Highway 1 até Big Sur – Monterey

Decidimos não parar nas vinícolas de Santa Ynez porque o Gui ia ficar passando vontade por estar dirigindo (na próxima vez vamos convidar algum amigo que não beba pra ir junto :)). Seguimos pra Solvang, uma cidade de colonização dinamarquesa que é uma fofura. Queria ter passado mais tempo lá vendo cada detalhe das fachadas. Também visitamos a histórica Missão Santa Ynez por lá.

 

A arquitetura dinamarquesa de Solvang e as Missões Santa Ynez


As primeiras paradas de praia do dia peguei no blog California Through my Lens: Avila Beach, onde fica o Pier de San Luis Obispo e os leões marinhos, e Morro Bay. A enseada de Avila Beach é bem bonita, mas os leões marinhos não estavam lá e o desvio pra chegar é grande, então não acho que valha a pena normalmente.

A praia de Morro Bay também não é assim tão bonita, talvez se tivéssemos entrado no Morro Bay State Park, como sugerido no California Through my Lens, fosse mais legal pois veríamos a pedra de frente. Em um roteiro de apenas 3 dias eu não recomendaria esta parada também.

 

Avila Beach, onde fica o Pier de San Luis Obispo, e Morro Bay


Depois de Morro Bay a estrada fica mais “selvagem”: nada de cidades (encha o tanque!), muitas curvas (não tomei dramin e enjoei!), o mar de um lado e as montanhas do outro. O azar é que depois de Morro Bay começou a chover, então não paramos em tantos mirantes. Uma das paradas foi pra ver os fedidos e preguiçosos elefantes marinhos de San Simeon, igualzinhos aos parentes deles que vimos lá em Ushuaia. Não se preocupe em achar os bichões: tem placa na estrada avisando qual é a praia deles, e você vai ver um monte de carro parado lá.

Falando nisso, um monte de carro parado na Hwy 1 é um forte indício de uma paisagem linda. Fique atento! 🙂

 

Elefantes marinhos na praia de Piedras Blancas


Depois disso, o tempo fechou de verdade e, com dor no coração não pudemos fazer a trilha do Julia Pfeiffer Burns State Park e conferir de perto a MacWay Waterfall, uma cachoeira que deságua no mar. Mas, chegando a Big Sur, mesmo sem sol algumas paisagens estavam lindas.

No final da tarde, as nuvens ainda estavam lá, mas deixaram passar um pouquinho da linda luz do entardecer para iluminar a Bixby Bridge.

Bixby Bridge


Daqui em diante anoiteceu, então seguimos direto pra Monterey, onde dormimos na nossa segunda noite pela Highway 1. Se você não fizer o estilo mão-de-vaca-muquirana de viagem, pode ficar hospedado em Carmel, que fica antes de Monterey.

Terceiro dia: Monterey – Carmel – Santa Cruz – São Francisco

Acordamos ansiosos como crianças para a visita ao Monterey Bay Aquarium, o maior dos Estados Unidos. E foi realmente o máximo! O destaque do aquário são as águas vivas de várias espécies, mas tem muito mais. Não perca os horários de alimentação dos animais, sempre tem um funcionário explicando o processo, é bem legal. A terceira foto é a alimentação dos peixes da Kelp Forest, narrada ao vivo pelo próprio mergulhador!

 

Monterey Bay Aquarium: águas vivas, dollys 🙂 e alimentação dos peixes da Kelp Forest. 


Depois do aquário demos uma voltinha na Cannery Row de Monterey, onde os galpões utilizados pelos pescadores antigamente foram transformados em lojinhas e restaurantes. E, como o dia estava lindo, seguimos pelas margens da baía de Monterey em direção à Carmel-by-the-Sea.

 

Centrinho de Monterey, e sua bela baía.


No caminho até Carmel, pegue a deslumbrante 17 Mile Drive, com vistas maravilhosas da baía enquanto passeia no meio das mansões e do campo de golf do luxuoso condomínio (tem taxa pra entrar).

 

17 Mile Drive: o Cipreste Solitário, o campo de golf e os ciprestes tortos pelo vento, a vista da baía.


A 17 Mile Drive termina na luxuosa Carmel. Infelizmente pudemos ficar só o tempo de um café.

Carmel-by-the-Sea


Depois de Carmel, pegamos o rumo de São Francisco, mas deu uma dó de não ver o último por do sol na Highway 1… Então mudamos o destino no GPS para Santa Cruz, a terra do surf na Califórnia. A cidade não tem o charme de Carmel e Santa Bárbara, mas foi muito legal ver como os surfistas de lá são corajosos: mesmo naquele frio todo, com aquele tanto de pedra na praia, com um cantinho de homenagem aos surfistas que já morreram ali, a água estava cheia deles!

Os bravos surfistas de Santa Cruz


E o por do sol, mesmo sem sol, valeu como despedida da linda Highway 1.

O entardecer e o Museu do Surf, em Santa Cruz


E ainda rumamos pra São Francisco neste dia!

São Francisco: 4 dias

São Francisco é linda demais. Seu charme está em cada canto: na arquitetura, nas ladeiras, nos bondes, nas pessoas, e até no vento gelado. Fique pelo menos três dias inteiros e devolva o carro: os estacionamentos são caríssimos e os ônibus funcionam muito bem. Além do mais, é uma delícia andar pelas ruas (mesmo com as ladeiras) olhando o detalhe de cada uma das casinhas. Mas isso é assunto para um próximo post!

As lindas casas de estilo vitoriano da Alamo Square de São Francisco


Lições Aprendidas

Lição Número 1: começar em São Francisco ou Los Angeles? 

O Riq Freire, nos posts sobre a Califórnia do Viaje na Viagem, recomenda percorrer a Highway 1 no sentido São Francisco – Los Angeles, pois aí você estará do lado certo da estrada e fica mais fácil parar nos inúmeros mirantes. Ele tem toda a razão, mas decidimos começar em Los Angeles pra deixar o Yosemite National Park o mais pra frente possível, para pegar menos neve por lá. Sabe o que aconteceu? Nevasca nos dias que estávamos no Yosemite (veja o relato neste post). Isto é, não adiantou nada fazer o caminho no sentido “errado”. Apesar da Highway 1 ser uma estrada de pista simples e ser fácil retornar pra parar nos mirantes, as vezes dava uma preguicinha… Então, se puder fazer o sentido SF – LA é melhor, mas se não, dá também.
Lição Número 2: quais os melhores pontos para pernoite?

Se você só tem três dias, acho que a melhor opção seria dormir em San Luis Obispo e Monterey/Carmel. Dormindo em Santa Bárbara, como fizemos, o segundo dia acabou ficando muito corrido.
O roteiro ficaria de LA até SF assim:
– Primeiro dia: Malibu, Santa Bárbara, Solvang, San Luis Obispo
– Segundo dia: Highway 1 até Carmel ou Monterey
– Terceiro dia: 17 Mile Drive e Aquário de Monterey (Santa Cruz, opcional).

Fazendo no sentido inverso, SF a LA:
– Primeiro dia: Aquário de Monterey, 17 Mile Drive, pernoite em Monterey ou Carmel
– Segundo dia: Highway 1, pernoite em San Simeon (poucas opções de hoteis) ou San Luis Obispo
– Terceiro dia: Solvang, Santa Bárbara, Malibu

Se quiser parar no outlet de Camarillo e/ou nas vinícolas de Santa Ynez, inclua mais um dia no início.
Mas, pra falar a verdade, sabe o que eu faria na próxima viagem? Reservaria uns 7 dias pra conseguir curtir cada cidadezinha: Santa Bárbara, Solvang, San Luis Obispo, Carmel, Monterey, Santa Cruz. Também fiquei com vontade de fazer o trecho da Highway 1 entre San Diego e LA, e ver as florestas de Redwood entre Santa Cruz e San Francisco que vi no blog Mauoscar.Ficou alguma dúvida? Mande nos comentários!

 


Faça suas reservas com nossos parceiros pelos links abaixo
e deixe uma comissão pra gente!

    sleeping-bed-silhouette Escolha seu hotel no melhor site de reservas: Booking.com
    medicine-briefcase-1 Viaje tranquilo com um seguro de saúde: Mondial Assistance
    american-dollar-symbol-1 Peça dólares e euros que eles entregam em casa: Cotação
    sports-car-1 Alugue o carro pra sua road trip: Rent Cars
    park-tickets-couple-1 Compre os ingressos pras melhores atrações: TicketBar

41 comentários sobre “20 dias de carro entre Los Angeles, São Francisco e Las Vegas: Parte 1

  1. Marcelo Lemos

    Hmmm! Fiquei com vontade de fazer esse roteiro. San Francisco e Los Angeles juntamente com San Diego estão entre as poucas cidades americanas da minha bucket list. E eu quero muuuuito voltar a Las Vegas. Aliás, queria ir para Las Vegas todo ano.. hahaha
    E foi muita sacanagem essa nevasca no Yosemite. Precisam voltar no verão.
    E por falar em voltar, quando forem novamente, eu me prontifico a ser o amigo da vez para a visita as vinícolas.. hahaha!
    Bjão 😉

    1. Camila Torres

      Vale muito a pena, Marcelo. São Francisco então… apaixonei. Bora voltar pra ver as vinícolas, agora que tenho motorista da vez! o/
      Vegas é o máximo mesmo, adorei também. Tem tanta coisa pra fazer que dá pra ir todo ano fácil!
      A nevasca no Yosemite não foi sacanagem não… Já tô preparando o post pra mostrar o quanto tava lindo!
      Obrigada pela visita!
      bjs!

  2. Rayane Sousa

    Olá, adorei o seu roteiro. Estou planejando ir em agosto desse ano com o meu namorado que está fazendo intercâmbio nos EUA, Não na California. Seria algo novo pros dois.
    Mas só passaríamos 01 semana, então estou pensando em fazer esse roteiro, mas no sentido inverso ao que vocês fizeram. Fica muito cansativo? E nos últimos dias passaríamos em LA.
    Em relação aos preços das pernoites, quanto mais/menos vocês gastaram com hospedagem? E tem algum hotel/hostel pra indicar?
    Desde já agradeço 😉

    1. Camila Torres

      Obrigada, Rayane! Tenho certeza que vai adorar.
      Acho q menos de 3 dias pra esse roteiro fica cansativo sim. Se você não tiver 3 dias, saia de SF e vá só até Big Sur, que você já vai ver a parte mais bonita da estrada. Aí divida o resto dos dias entre SF e LA.
      O melhor é você comprar as passagens chegando em LA e saindo por SF, não precisa voltar pra LA no final senão você vai perder muito tempo indo e voltando.
      Hotel na Califórnia é bem caro, as diárias para 2 eram por volta de 100 dólares! Ainda estou preparando o post sobre os hoteis, mas pra ir adiantando, ficamos em hoteis de rede como o Knights Inn, Travelodge, Days Inn, Ramada Limited. Apesar de apenas 2 estrelas, todos são bons (só o Knights Inn que é mais simples). Dá uma olhada no meu post sobre o Yosemite pra ver as fotos do Days Inn, e fica de olho no blog que já já sai o post completo sobre os hoteis. 🙂

      Obrigada pela visita, e volte sempre!

      Camila

  3. História Universal

    Os seu comentários foram excelentes. Vamos para a Califórnia em setembro. 28 dias. Nosso roteiro começa em SF (8 dias), Tiburon (1 dia), Yosemite (2 dias), Lago Tahoe (2 dias), Sacramento (1 dia), Napa (4 dias), Monterrey (3 dias), Pismo Beach (1 dia), Santa Barbara (1 dia) e Santa Mônica (4 dias). caso queira complementar as suas dicas, agradeceria.

    1. Camila Torres

      Uau, que roteiro incrível ! Quanto mais Califórnia melhor 🙂
      Se você quiser fazer trilhas no Yosemite, fique mais um pouco. O parque é muito grande, tem bastante coisa pra ver. O mesmo para Santa Mônica: se quiser visitar os parques de diversão de Los Angeles (Disney, Universal, Six Flags), acrescente mais um dia também.
      Boa viagem!

  4. Alex Jorib

    Olá Camila.

    Irei agora em Março com minha esposa fazer San Francisco, Los Angeles, Las Vegas de carro, teremos 21 dias.

    Tenho 31 anos, sou analista de sistemas e musico, gosto de bares, musica ao vivo, restaurantes, comida, bebida(cerveja), shows, viver a cultura, vislumbrar paisagens, arquitetura e conhecer a historia.
    Minha mulher (31 anos) gosta de quase tudo isso, menos de cerveja e de historia;
    Porem esta animada com os jogos de casino mais do que eu, que vou preferir curtir a Blv Strip, as atrações, os complexos dos casinos etc.

    Estou com duvidas sobre o meu roteiro, fiz sem ter muita ideia:

    1º dia, Chegar em San Francisco
    Ficar 3 dias em San Francisco
    4º dia, pegar o carro na locadora e ir para Monterrey/Carmel para ficar e dormir por la
    5º dia, Ir para San Louis Obispo para ficar e dormir por la
    6º dia, Ir para Santa Barbara de passagem e depois Los Angeles.
    Ficar 6 dias em Los Angeles
    12º dia, ir para Las Vegas de carro.
    Ficar 8 dias em Las Vegas.
    21º dia, voltar para o Brasil.

    Não sei se vale a pena conhecer San Diego.
    Não creio que de para incluir o Yosemite no meu roteiro.
    Lendo seu post, San Francisco me pareceu mais interessante do que Los Angeles.

    Considerando sua experiencia, o que relatei acima e o meu perfil(e da minha mulher), como voce montaria o roteiro (quantidade de dias, cidades, etc) ?

    Muito grato pela atenção.
    Tks

    1. Camila Torres

      OI Alex,
      Que legal, vc vai gostar muito da viagem.
      São Francisco foi o lugar que mais gostei de todas as cidades que visitamos neste roteiro. Eu colocaria pelo menos mais um dia lá, você pode ir até Sausalito que achar que está com tempo sobrando. Não fui, mas dizem que é bem legal.
      Los Angeles fiquei 3 dias inteiros e foi o suficiente pra ver o que queríamos com calma. Mais dias, só se for pra ir nos parques (Disney e Universal).
      Não fui pra San Diego, mas parece que é bem legal também, e a estrada até lá continua bonita.
      Las Vegas fiquei só 4 dias, e foi suficiente até pra ir ao outlet. As atrações ficam concentradas na Strip, então não precisa de tanto tempo pra ver tudo.
      Claro que você pode aumentar a quantidade de dias em cada lugar de acordo com as atrações que estiverem rolando, que você disse que gosta. Dê uma olhada na Time Out de cada cidade, eles têm a agenda de espetáculos e shows.
      Você viu também a segunda parte do nosso roteiro? Em 20 dias fizemos a Highway 1 e também passamos em diversos parques nacionais: http://www.colecionandoimas.com.br/2014/07/20-dias-de-carro-entre-los-angeles-sao.html

      Espero ter ajudado. Obrigada pela visita !

      []s
      Camila

  5. Camilla Kafino

    Eu tô indo agora, você sabe, né? E nem tinha lido as dicas antes (shame on me!!) Pelo menos minhas escolhas foram acertadas quanto as paradas da highway 1 e na época pra poder visitar o Yosemite. Acho que surfarei na Califórnia para adicionar a minha lista incrível de lugares incríveis surfados pelo mundo, mesmo com aquela água gelada (já estive em San Diego no verão e a água é fria igual!!)
    Vou anotar um monte de detalhes e me aguente no whatsapp perguntando tudo 🙂
    Adorei o post, um beijo

  6. Odivaldo Fratin

    Oi Camila. Com minha mulher e minha filha,fizemos de carro de San Francisco até Las Vegas.
    Realmente vale a pena. Paisagens maravilhosas e viagem pelo deserto de Mojave, também vale a pena. Relembrei pelas suas fotos, esse belo tour que fizemos.

  7. Valdir Ramos Pereira

    Camila, tudo bem? Estou pensando em fazer esse roteiro de SF – LA – LV, mas eu gostaria de um conselho de quem já foi.. Quanto vocês gastaram em dólares nessa viagem? Quanto custa uma noite nos hoteis de estrada? Vocês têm esses dados? Obrigado!

  8. Fabio Pastorello

    Que máximo, adorei relembrar um pouquinho do roteiro que fizemos agora em setembro. Mas começamos em São Francisco e fomos para LA. Mas acho que tanto de um sentido como de outro, a viagem é incrível.

  9. Paula Abud

    Sempre tive o sonho de conhecer LA, Santa Monica, por causa dos cenários que via em BH90210 e com as suas fiquei nostálgica.
    Uma roadtrip aí deve ser simplesmente maravilhosa, e com certeza quero fazê-la um dia, fiquei apaixonada por Santa Barbara, deve ser linda a cidade!
    O post está excelente e as fotos um espetáculo!
    Beijos.

  10. Klécia

    Preciso muito fazer esse roteiro costa oeste urgente! Cada post que leio me delicio mais com as paisagens e me dá mais vontade. Seu post ficou super completo e convidativo, acho que é mais um sinal do universo mandando eu reservar essas passagens! 😀

  11. Gisele Ramos

    Fiz uma viagem parecida, mas a minha foi mais insana. Cheguei em SF, de lá fui pra Vegas e depois LA. Tudo correndo, sem muitas paradas pelo caminho. Agora fiquei com vontade de fazer devagarzinho, parando pra conhecer tudo pelo caminho!

  12. Thaiane Barbeiro

    Olá! Adorei as dicas.
    Vou percorrer a Highway de SF para LA. Porém só tenho dois dias.
    Minha duvida: Pernoito em Monterey ou San Luis Obispo?

    1. Camila Torres Autor da Postagem

      Oi Thaiane,

      Durma em San Luis, Monterey é bem próxima de São Francisco.
      E verifique as condições da estrada antes de ir, atualmente ela está interditada em Big Sur.

      Boa viagem!

      []s,
      Camila

      1. Thaiane Barbeiro

        Irei em Setembro, espero que até lá não esteja interditada mais!

        Obrigada Camila, seguirei suas dicas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *